tamanho (cm): 50x40
Preço:
Preço de venda€142,95 EUR

Descrição

A pintura Soap Bubbles, de Jean-Baptiste-Siméon Chardin, é uma obra-prima da arte do século XVIII que continua a cativar os espectadores até hoje. Esta pintura é um exemplo perfeito do estilo artístico de Chardin, que se concentrou na representação realista de objetos do cotidiano e cenas domésticas.

A composição de Soap Bubbles é simples, mas eficaz. No centro da pintura está um menino segurando uma varinha mágica enquanto sua irmã mais velha, sentada ao lado dele, observa com interesse. O fundo é composto por uma parede de tijolos e uma janela aberta que permite a entrada de luz natural.

O colorido da obra é suave e delicado, com tons pastéis que criam uma atmosfera calma e relaxante. A luz natural que entra pela janela ilumina a cena e cria sombras suaves nos objetos e nos rostos das crianças.

A história da pintura é interessante. Foi encomendado pelo rei Luís XV da França em 1739 e se tornou uma das obras mais famosas de Chardin. A pintura foi exibida no Salão de Paris de 1739 e recebeu críticas altamente positivas. Desde então, ela é admirada por sua representação realista da vida cotidiana e sua beleza estética.

Um aspecto pouco conhecido da pintura é que Chardin não usou modelos para criá-la. Em vez disso, ele foi inspirado pela observação direta da vida cotidiana e sua própria imaginação para criar esta obra-prima.

Em suma, a pintura Soap Bubbles de Jean-Baptiste-Siméon Chardin é uma impressionante obra de arte que se destaca por seu estilo artístico, composição, cor e representação realista da vida cotidiana. A sua história e a sua beleza estética fazem dela uma das obras mais marcantes do século XVIII.

Visualizado recentemente